Translate

Carta do interino

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010
Illm.º e exm.º Sr.
Tenho a honra d'accusar a recepção do officio de v. ex.ª de 19 do corrente, e sobre o seu conteudo cumpre-me informar a v. ex.ª que ainda ha pouco me foi entregue uma carta do cura de Beijoz em que me expõe, que ia a retirar-se para sua casa pelo perigo eminente em que vivia naquella freguezia, não podendo sahir a publico sem guarda, visto achar-se ella cada vez mais inquieta pelas sugestões do egresso Caetano da Costa Machado, e um Luiz Monteiro Machado, fautores do chamado scisma; por cujo motivo me dizem que aquelle já em tempo estivera preso, e fizera termo d'alli não apparecer, e este que se acha culpado. A vista disto não poderá tranquilizar-se a dita freguezia, sem que se proceda rigorosamente contra aquelles revoltozos, e attendendo porem a que o pequeno numero de soldados ali estacionados nenhum respeito cauzam segundo me informão.
Todavia para obviar quanto posso os inconvenientes pela falta de parocho, acabo de nomear para cura desta igreja o reverendo Miguel de Souza, da freguezia de Cabanas, esperando que v. ex.ª se digne activar as providencias necessarias para se proceder contra os indicados individuos, e outros quaes quer que por ventura o mereção.
Incluso devolvo a v. ex.ª o officio do administrador do concelho do Carregal.
Deos guarde a v. ex.ª
Vizeu 20 de dezembro de 1842
O encarregado interino do governo do Bispado
Jacinto Fernandes Rodrigues

1 Comentários:

Anónimo disse...

eu penso se comtactarem dois agemtes da PJ seria mais facil resolver os roubos dos badalos os incendios das casas o caso das devasas e mesmo estes problemas com os padres edc..edc...

Enviar um comentário