Translate

O desafio da boa gestão municipal

sábado, 4 de agosto de 2012

Uma infografia interessante no Jornal de Negócios mostra o número de funcionários por 1000 habitantes em vários municípios, um indicador que tem vindo a subir e está agora em 19,6 funcionários/1000 habitantes (média nacional).   Nota-se alguma evidência de economias de escala, na medida em que o peso relativo da máquina  autárquica é menor nos municípios maiores.

Mas o  custo  é só metade da história.
Quanto valor é que acrescentam?  Qual é a relação Valor/Custo (Value for Money?

Falta saber se os municípios gastam o dobro (Money) com funcionários,  como Nelas,  produzem o dobro da valor e eficácia (Value)  para os munícipes e contribuintes dos que nos governam com metade, como Carregal do Sal e Tondela , ou Viseu, a melhor cidade para viver em Portugal.

Carregal do Sal...12,3
Mangualde.........16,2
Nelas.................23,8 
Santa Comba......15,9
Tábua ................16,5
Tondela..............11,6
Viseu..................9,8

Coimbra.............10,2
Cascais...............11,7
Oeiras................10,6
Fonte:  http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=501901

Ver mais sobre Viseu em http://beijozxxi.blogspot.pt/2012/07/viseu-melhor-cidade-para-viver-em.html e sobre outras cidades europeias em http://ppplusofonia.blogspot.pt/2012/08/qualidade-de-gestao-comeca-nos.html

3 Comentários:

Contribuinte Paga Tudo disse...

É cochante comparar Nelas com Viseu.
Será que Nelas está assim tão mal?

Carlos Peixeira Marques disse...

Carregal tem um número de funcionários muito inferior à média dos municípios de idêntica dimensão. Não se pode, neste rácio, comparar um município pequeno, como Carregal, a outros grandes que podem ter algumas economias de escala e que, sobretudo, desviam muitas funções para empresas municipais ou participadas pelo município.

Carlos Peixeira Marques disse...

A propósito de "boa gestão municipal", relembro o meu 1.º artigo no Farol:
http://www.faroldanossaterra.net/2011/01/05/coase-e-a-gestao-municipal/.
A leitura não é muito fácil, mas creio que se entende com um pouco de boa vontade :)

Enviar um comentário