Translate

Interpelação ao Ministro das Obras Públicas

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010
Há 150 anos a eleição para o parlamento (chamado Câmara dos Deputados) era feita pelo sistema de círculos uninominais. O deputado pelo círculo do Carregal, Francisco Coelho do Amaral, natural de Santar, requereu uma interpelação ao Ministro das Obras Públicas «sobre o estado geral dos trabalhos nas estadas do districto de Vizeu». Registe-se a suspensão de trabalhos, a exclusão de contratos e, sobretudo, o traçado das vias referidas.
Agora leiam este post do deputado pelo círculo de Viseu, António Almeida Henriques. Cento e cinquenta anos, a mesma História.

4 Comentários:

Atão disse...

Atão, agora já não há excesso de investimento público, como acontecia em toda a campanha eleictoral do ano passado por parte do partido do sr. deputado Alameida Henriques? Alguma vez este sr. deputado, cabeça de lista por Viseu, veio contradizer a sua líder?
Tenham vergonha.
Pois é. É preciso é fazer barulho, agora e sempre. Quando as ambições são mais que muitas, tudo serve, nem que tenha que se dizer o contrário do que se disse há uns escassos meses atrás.

beijokense disse...

Atão ler dá trabalho.
Escreveu o candidato Almeida Henriques escreveu em 14-9-2009:
«8. No domínio das acessibilidades, a prioridade vai para as ligações em auto-estrada entre Viseu – Coimbra e Mangualde – Canas de Senhorim recuperando o atraso de quatro anos e meio;»

Pode ler aqui.

beijokense disse...

N.R. O objectivo deste post era o de dar a conhecer que «as estradas de Vizeu ao Bussaco, e da Foz Dão a Mangualde», que têm sido objecto de discussão política nos últimos anos, já o eram há 150 anos, na mesma casa, i.e. no Parlamento.
Dada a manifesta falta de informação do comentador Atão, apresentei, no comentário anterior, o link para o compromisso eleitoral de um candidato à AR pelo círculo de Viseu.
Graças à actual publicidade da actividade parlamentar, é possível saber que:
1. Em 11-11-2009, este deputado e outros eleitos pelo PSD pelo mesmo círculo, apresentaram, por ecrito, três perguntas ao Ministro das Obras Públicas;
2. O Ministro (melhor, o seu Gabinete) respondeu em 21-12-2009.

As perguntas e repostas podem ser obtidas neste link.

À distância de 150 anos, parece-me que há grande similitude entre os requerimentos de Coelho do Amaral e as perguntas de Almeida Henriques e outros.

Anónimo disse...

Meu Caro
Obrigado pela defesa que efectuou das minhas posições, se há algo que procuro prosseguir é a coerência.
Sempre defendi e defendo a auto estrada Viseu Coimnbra e finalização do IC12, exigi que nos compromissos dos Dedutados do Distrito estivessem estas vias.
Há pessoas que falam por falar e não se documentam.
Abraço e obrigado por repor a verdade

Enviar um comentário